O QUARTO GRAU SECRETO DOS GARDNERIANOS

Atualizado: 8 de fev.

Uma Carta de Samhain: Na véspera de São João, escrevi um artigo intitulado "The Great Divide in Witchcraft Today", que demonstrou, no meio a uma série de preocupações eclesiásticas1, a realidade genuína de que o culto moderno de Bruxaria Gardneriana foi comandado (na verdade, roubado seria o termo justo) por uma cabala interconectada e altamente coordenada sob o bordão de 'Família'.

1 -É o prazer deste escritor corromper o termo, com alguns outros acessórios semelhantes nos seguintes parágrafos: costuma-se dizer que as melhores bruxas roubam tudo o que funciona, e deitam fora o que não funciona.



Ulpiano Checa y Sanz – Le Temps

"Neste período liminar, tudo retorna ao 'caos antigo' do estado pré-criacional e permanece 'entre tempos'. Assim, na véspera de Todos os Santos tudo se vira de cabeça para baixo e misticamente invertido, as barreiras entre o mundo dos mortos e a vida dissolve-se e a primitiva Cavalgada Antiga (Wild Hunt) ou Faery Rade cavalga pela noite. ” - Nigel Aldcroft Jackson, Call of the Horned Piper, 1994

Sacerdócio rotulado como Personæ Non Grata